Baixar Agora Grátis

Quero Agora

Prova Wesley Pereira – Secção 2

Tempo de leitura: 10 min
Avatar Of Vjweb@Hotmail.com

Escrito por vjweb@hotmail.com
em 23/11/2022

Compartilhe agora mesmo:

Hoje você vai ver uma vez que está o Wesley Pereira, desde a primeira entrevista e uma vez que estão os resultados dele agora, uma vez que aluno do Treinamento Fórmula Negócio Online

[thrive_leads id=’3395′]

Se preferir, veja a entrevista em vídeo aqui

De alguém que não sabia nem mexer na internet recta, para um empreendedor e afiliado de sucesso no mercado do dedo, essa é a história de Wesley Pereira.

Um varão do interno de São Paulo, que ganhou o mundo através da internet e hoje ensina muitos a fazerem o mesmo, mantendo uma relação muito próxima e humana com seus clientes através do Youtube, Instagram e Whatsapp.

Wesley iniciou em 2014 no marketing do dedo. Aprendeu muitas coisas quando conheceu o curso Fórmula Negócio Online. Desde logo, vem trabalhando e fazendo suceder. No início foi difícil, mas quando começou a ter resultados, nunca parou.

Sua história não é uma traço reta uma vez que muita gente pensa. Passou por muitos altos e baixos, mas hoje tem um faturamento incrível, chegando a lucrar, muitas vezes, mais de 50 milénio no mês.

Transparente e Franco uma vez que poucos, posta os demonstrativos online do seu faturamento em vídeos que não o deixam mentir, pois é um pouco que não pode ser editado. Seu objetivo com isso zero mais é do que provar para todos que o resultado é provável e alcançável.

Acredita de coração e defende para todos que, com algumas técnicas simples e perseverança nelas, é impossível não ter resultados.

No entanto, sabe que muitas pessoas têm dúvidas e se coloca a prestar suporte para os seus clientes de forma pessoal, através do Whatsapp. Muitos não acreditam, no primeiro contato, que ele mesmo está falando. Por isso, às vezes ele manda áudios respondendo pra provar.

Durante sua trajetória Wesley já acertou e já errou muito. Ele sabe com perspicuidade hoje quais foram seus maiores acertos e seus maiores erros no negócio e de estratégia.

Uma das coisas que ele considera que acertou foi ter tido foco na hora de colocar em prática algumas técnicas. Ele afirma que uma das coisas mais importantes, se você quer dar notório, é focar.

Conta que não adianta atirar para todos os lados. Quando você investe em alguma coisa até aquilo dar notório, a verosimilhança de você ser sucesso é muito maior.

Portanto se você gosta de Instagram, foque no Instagram até funcionar. Se você gosta de Youtube, foque no Youtube. Se você gosta de redigir e de estruturar blogs, foque em blogs e sites. E assim por diante.

O sigilo é martelar em uma estratégia, se tornar perito nela,  domínio. Ele usa para justificar sua teoria, o exemplo de quando vamos ao médico. Quando temos uma queixa específica, se preferimos o generalista ou o profissional.

Em casos uma vez que o citado, a maior secção das pessoas preferem o profissional. Se você tem um problema grave no coração, você vai consultar o cardiologista. Se tem um problema no estômago, o gastro.  A mesma coisa acontece com o mercado do dedo.

Você vai ter mais crédito em alguém que tem poucas publicações no Instagram + uns 3 vídeos no Youtube + 3 textos no blog ou em alguém que tem vários vídeos de sucesso só no Youtube para te dar dicas sobre aquela rede?

A questão não é em qual rede você vai se singularizar, todas funcionam. Exclusivamente você deve escolher uma e dar prioridade para ela. Se você priorizar o Instagram, estude ele, veja as melhores estratégias para ter engajamento, aposte nos stories, publique sempre.

Quando você se torna uma domínio, você se destaca e você vende. E não tenham pânico da competitividade, pode ter muita gente no seu nicho no youtube, por exemplo. Mas se você usa as estratégias certas, você vai ter sucesso também. O vitória do outro, não diminui as suas chances.

Além de ter lugar para todos, outro ponto importante nessa questão é que, mesmo tendo bastante gente, a maioria que está lá não está fazendo notório. Não é uma questão de limitação de espaço e sim de infligir as técnicas certas.

A lógica por detrás disso é muito simples. O objeto sucesso não é um pouco que acaba, não é um pouco que você vai tirando de um saco até esvaziar, pois ele não é finito. Enquanto você estiver aplicando corretamente, só tem a crescer.

O empreendedor afirma que não existe segredos mirabolantes, é só infligir. E aconselha, você que já é aluno do Fórmula Negócio Online ou está empreendendo no do dedo, a colocar a mão na volume e simplesmente infligir.

Wesley conta que quando entrou na dimensão não sabia nem o que era um pdf, entrava na internet somente para ver o Facebook e para ver e-mail. Nunca imaginou o que era produzir um blog e “esse negócios de hospedagem, domínio”.

Na idade, não fazia teoria uma vez que produzir um meato no Youtube, muito menos gravar um vídeo. Não começou com equipamento nenhum ou câmera boa, somente um celular médio.

Os primeiros 200 vídeos do meato, ela gravou com celular. Por isso, diz que tem propriedade para falar para as pessoas “Não pensem duas vezes, comecem”.

Alguns e algumas empreendedoras digitais e youtubers que conquistaram sucesso no nicho de marketing do dedo são verdadeiros exemplos de que se pode fazer muito com pouco. Exclusivamente com um celular, muitas prosperaram graças ao renitência e desvelo que dedicavam.

Um cenário muito desvelo, muito estragado, uma edição cuidadosa, muito paixão e atenção aos detalhes, fizeram a diferença para essas pessoas. Mesmo sem recurso e quantia, ficava muito feito.

Na contramão disso, muitas pessoas, com uma baita infraestrutura, fazem relaxado, sem cuidar. Essas pessoas geralmente não tem vitória e muito menos prosperam.

Wesley conta também que o seu erro foi justamente o ponto contrário do seu acerto. Os momentos que mais escorregou foi quando não teve foco, tentou fazer muitas coisas ao mesmo tempo e patinou em todas.

Muitas pessoas o procuram na internet hoje – no Youtube, no Instagram ou até no Whatsapp – com a seguinte pergunta: “Quantos produtos você acha que eu devo promover para lucrar um bom quantia na internet”.

A pergunta que mais recebe é essa e ele responde sempre: “Se você promover um resultado muito, você já consegue lucrar mais de 10, 15, 20 milénio reais por mês”.

As pessoas ficam assustadas com a resposta dele e pensam: “vou promover 10 logo”. Ele garante que se a pessoa prover dez, não vai conseguir faturar zero.

Essa é a base do que ele mais defende. Se você atira para todo lado, não consegue assestar mira nenhum. Pois é muito difícil uma pessoa ser domínio em 10 nichos.

No caso dele, no primórdio, também aconteceu esse problema. Ele quis ofertar muita coisa dissemelhante e a venda começou a minguar, diminuir. É importante saber que quantidade não é qualidade, e qualidade é o que importa.

Por isso, é recomendável que a pessoa faça uma estrutura bacana para um resultado, ou no sumo dois do mesmo nicho.

Outro erro que ele cometeu foi desfocar das coisas essenciais. Ele se deslumbrou com as vendas de publicidade paga.

Em 2017, começou a vender muito com Facebook Ads, deu prioridade para essa modalidade, deixou de lado as outras e ganhou muito quantia. Em um determinado momento, começou a ser bloqueado consecutivamente.

Nesse período, iniciou os bloqueios na conta dele. Uma campanha era bloqueada e ele já subia outra. Mas chegou um momento onde ele não estava mais conseguindo subir campanhas.

Quando tudo foi bloqueado, o lucro dele que estava no pico foi para zero. Foi uma situação de desespero, onde ele quase chorou. Com isso, ele aprendeu que para viver da internet é necessário investir em tráfico orgânico.  .

Trabalhar com o orgânico é importante porque, você além de não gastar, faz o Google trabalhar ao seu obséquio. E isso acontece, pois quando você cria um blog ou mini site, por exemplo, você posiciona um cláusula para uma termo chave específica.

Ou seja, você escolhe palavras chave dentro do seu nicho, exemplo “Porquê lucrar quantia”, “uma vez que emagrecer”, “uma vez que falar inglês” e faz com que seu cláusula apareça nos primeiro lugares para essas buscas no Google.

Posteriormente isso, se vocês têm artigos posicionados nas primeiras páginas, você converte em vendas. Seu site, blog ou meato vão estar trabalhando e convertendo até quando você estiver fazendo outras coisas – dormindo, na praia, viajando.

Dissemelhante do tráfico pago, com o orgânico não é só você parar que seu rendimento para. Quanto você tem uma estrutura, já está feito, você trabalha só para aumentar e escalar.

Você pode estar na praia, curtindo o dia e vendo  as notificações de venda chegar. Parece risota, mas é verdade. Evidente que é necessário trabalhar pra colocar essa estrutura em pé, mas ela é sua.

Hoje, resultados do Wesley vêm de uma estrutura, onde o mecanismo principal é o Youtube. O meato é o queridinho dele e onde tem mais sucesso. Foi uma escolha pessoal e pensada focar no Youtube.

Ele tem 70 milénio inscritos no meato e acredita que uma dica de outro é saber trabalhar muito os títulos – através de gatilhos mentais de curiosidade por exemplo – e fazer boas capas. E o mais importante: Ser Franco, honesto com as pessoas.

O empreendedor também faz muita venda também pelo Whatsapp e Instagram, além do seu Blog. O Whatsapp ele considera uma instrumento muito preciosa na sua estratégia, pois proporciona um contato direto com as pessoas.

Já o sucesso do Youtube ela atribiu ao potencial de credibilidade que a plataforma tem. Lá você pode falar diretamente com as pessoas, que te veem uma vez que humano, uma vez que real.

No meato, Wesley gera conteúdos que ajudam as pessoas. Ele afirma que o que acontece é que muitos se encantam ao pensar “Se o que ele está passando gratuitamente já é tão bom, o que ele está indicando deve ser fantástico e me fará vender muito”.

A credibilidade é um pouco extremamente importante. Por isso, tudo que alguém que trabalha com domínio indica deve ser de qualidade de verdade. Pois o nome e a reputação de quem indica fica atrelado ao resultado.

Uma pessoa que mente ou indica coisas com qualidade baixa ou ruim, pode até conseguir vender bastante no primórdio, mas logo em seguida perde tudo.

Se uma pessoa está há um tempo no mercado e oferece valor, os comentários são bons. Já quando as pessoas começam a permanecer insatisfeitas, desce nota de reclame cá, falam mal de você e os vídeos começam a ter deslike. Não tem para onde fugir.

No meato do Youtube, Wesley coloca na descrição os links de venda e os link para o Whatsapp. No caso dele, vende bastante de forma direta e também vende bastante para as pessoas que o procuram.

Geralmente, as pessoas que chegam para conversar com ele já estão querendo comprar, só estão precisando de um empurrão final. Muitas estão um pouco inseguras ou tem alguma incerteza somente. Ao serem esclarecidas, compram.

Essa relação direta gera muita crédito e segurança, por isso que o Whatsapp é bacana. O contato através da plataforma deixa as pessoas mais tranquilas e com a certeza de que terão suporte quando precisarem. Por isso ele aconselha a trabalhar com esse meato.

Ele gosta muito de trabalhar com o Instagram também. E apesar da sua rede ser pequena (tem pouco mais de 3 milénio pessoas), tem um engajamento enorme. Seus stories costumam ter 530, 540 visualizações, números fantásticos.

Se for confrontar com e-mail, que também é uma plataforma boa, menos de 10% das pessoas abrem o e-mail e menos de 3% clicam. Já a porcentagem que ele chega no IG é de 20%.

Outrossim, assim uma vez que o Whatsapp, o Instagram pode te aproximar do cliente. Com o seguinte bônus: A pessoa pode te deixar uma pergunta nos stories e você tem a oportunidade de responder aquilo para todos. Ela se sente peculiar e você sana a incerteza de outras também.

Esses são alguns dos motivos dele apostar e indicar o Instagram também.

Hoje em dia, muitos estão falando sobre a tendência das respostas automáticas e dos robôs, mas isso vai à contramão de tudo que Wesley acredita uma vez que eficiente. Na sua visão, as pessoas não querem ser atendidas dessa forma fria e isso as faz desistir.

A reflexão mais importante que ele acha que todos devem fazer antes de colocar qualquer estratégia em prática é “se fosse você do outro lado, você compraria”. Se a resposta for positiva vá fundo, mas se for negativa repense.

E deixa a seguinte prelecção: As pessoas querem de comprar de pessoas, elas não querem comprar de empresas. Se você consegue tornar humano o seu negócio, dar a mão para as pessoas e ajudar, vende muito. As pessoas foram feitas para compartilhar.

Faça uma vez que Wesley e venha ser a novidade história de sucesso do Fórmula Negócio Online!

FONTE: formulanegocioonline.digital

Compartilhe agora mesmo:

Fique tranquilo, 100% livre de spam.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade